Nova novela do SBT terá orçamento e capítulos bem enxutos

 
FLÁVIO RICCO
Colaboração de José Carlos Nery

Leonardo Wen/Folha Imagem

Mulher de Silvio Santos, Iris Abravanel, que está adaptando "Corações Feridos"

O SBT se prepara para dar o pontapé inicial nas gravações de “Corações Feridos”, adaptação de Iris Abravanel para o original mexicano “La Mentira”. As primeiras externas na cidade de Quadra, em São Paulo, estão previstas para o dia 2.

E a marca desta produção, ao contrário de outras recentemente realizadas, será a economia nos gastos. Tudo dentro de um planejamento já definido pela casa. Não haverá “estouros”. Pra começar, o limite de capítulos, 100, está estabelecido. Será uma obra fechada, com número enxuto de personagens, priorizando o indispensável. No elenco, uma mescla de artistas conhecidos com atores estreantes -nomes do teatro, por exemplo, como a jovem Patrícia Barros, a protagonista Amanda.

Na Teledramaturgia da Anhanguera, “Corações Feridos” é vista pela equipe como uma produção “BO” -baixo orçamento. Simplezinha. Inclusive não terá cidade cenográfica. Limitações à parte, espera-se que, apesar de uma novela “BO”, “Corações Feridos” também possa ser uma novela “BQ”. De Boa Qualidade.